Todo o mundo é capaz de dominar uma dor, menos quem a sente!!

Ana Santos

Ana Santos

Olá meus queridos leitores venho aqui para mais uma semana partilhar com vós, histórias de vida reais.
A semana passada a história de Raquel e Marcelo, foi muito comentada pela positiva. Muito obrigada Raquel por partilhares com nós a tua história.
Esta semana vou falar da história da Ana Rita, a um ano e meio foi lhe diagnosticada uma doença de Chron. Para todos os que não conhecem a doença de Chron e uma doença auto imune em que o sistema imunitário rejeita e destrói o sistema digestivo, tratando se de uma doença sem cura e sem tratamento. Ao longo dos anos foram desenvolvidas varias quimioterapias com fim a ter um efeito remissor sobre o sistema imunitário e tentando aliviar a doença. E uma doença bastante incapacitante, dolorosa, e acima de tudo bastante invisível ao lado exterior. O seu sistema digestivo não absorve corretamente o que faz com que a sua desnutrição faça-lhe perder peso repentinamente, a um cansaço extremo e a um constante mau estar fora todos os diversos problemas associados a doença. Já sofreu imenso e continua sofrendo todos os dias. Hoje é obrigada a estar a mais de 3000km da família e daqueles que gosta, por o seus pais não ter meios de a ajudar, não ter condições financeiras para a apoiar, e lhe dar qualquer qualidade de vida. Para quem não sabe essa doença é auto imune e como uma bomba, nunca se sabe como se acorda, nem como se acorda. A percentagem de desenvolver qualquer outra doença e enorme, entre elas o cancro. Resumidamente os doentes de Chron não deixam de ter um cancro, simplesmente vivem mais, sofrem mais e fazem quimioterapia para o resto da vida. O que faz com que cada segundo seja único. Mesmo assim Ana Rita é imensamente feliz! E para ela isso já lhe chega para estar bem acima de todo o mal! Nos seus últimos internamentos devido a grande quantidade de químicos que tomou, a anemia por desnutrição entre todos os restantes fatores fizeram com que o seu cabelo ficasse mais seco, partisse e caísse imenso. Todos os dias perde milhares de cabelos, pelo que por algum motivo deixou de lhe fazer qualquer falta. Uma vez que Ana Rita irá  iniciar novos tratamentos químicos que irão danificar ainda mais o seu cabelo decidiu aproveita-lo da melhor maneira possível, para quem realmente precisa! E porque dar amor é a maior prova que pode existir no mundo!
Ana Rita rapou o cabelo todo para que o mesmo possa ser aproveitado para a construção de perucas para doentes oncológicos. Ana Rita diz que não será suficiente, mas juntamente com outras pessoas como eu, tu ao você, poderemos fazer alguém muito feliz! E por isso que eu quis partilhar a história de Ana Rita porque as vezes de um nada podemos fazer muito feliz uma pessoa, uma criança!
Ana Rita diz que nada a faria mais feliz de que saber que alguém será feliz com uma parte que já foi dela! Todo o seu cabelo foi enviado para a Little Princess Trust para que possa ser aproveitado da melhor forma. Ana Rita quis doar a uma associação inglesa pela enorme divida que teve para sempre com esse povo que lhe abriu a porta e lhe facilitou todos os dias meios para que dentro do possível ela viva e não apenas sobreviva! Se todos dermos um pouco de nós, como fez Ana Rita a diferença será sentida. A todos aqueles que o cabelo não cresce ajudemos a crescer amor!
Ana Rita queria fazer passar uma mensagem. Ela doou tudo! Mas todos os pequenos bocados farão a diferença!  Uma simples trança retirada do meio do cabelo que ninguém ira notar a diferença, juntamente com tantas outras farão uma peruca que fará uma pessoa uma criança imensamente feliz! Pensem que a tanta gente que sonha em ter um pouco de cabelo que não precisamos de dar muito para alguém ser feliz, e que está a chegar ao natal e que nós podemos dar um sorriso a muita gente e crianças. Façam o natal deles serem mais feliz graças a nós! Só mais uma coisa não se esquece se quiser doar tem que fazer uma pequena trança por entre o cabelo terá que ter no min 30cm e estar preso com um elástico em ambas as pontas. O cabelo que dará ninguém notará a sua falta e juntamente com tantos outros fara uma enorme diferença na vida de alguém! Lembrem-se que qualquer um de nos poderá precisar! Amor gera amor!
Quis publicar esta história porque acho que hoje as pessoas esquecem o mais importante! Imaginem aquelas pessoas que estão naqueles hospitais sem cabelo a sofrerem tratamentos diários muitos sem terem familiares por perto e que adoravam ser como todos nós…
Sejam felizes e que nunca se esqueçam a unidade faz a força

Queria agradecer a Ana Rita pelo a sua história e queria-te dizer que foste muito corajosa admiro te muito❤

Vou me despedir até para a semana e faz como Ana Rita partilha a tua história comigo por e-mail ana_paiva23@hotmail.com
Não te esqueças de partilhar mil beijinhos
Fiquem bem❤️?




Deixar uma resposta