Sporting ganha ao Estoril e segura o primeiro lugar

O Sporting venceu o Estoril-Praia, por 1-0, em jogo da 9.ª jornada da liga portuguesa de futebol, resultado que permite aos ‘leões’ aumentarem, à condição, a vantagem na liderança da tabela para cinco pontos.

Com o adiamento confirmado do jogo entre FC Porto e União da Madeira, o Sporting entrou em campo à procura de aumentar a margem na liderança do campeonato para cinco pontos, e, graças a um golo de grande penalidade do colombiano Teo Gutiérrez, aos 55 minutos, acabou por confirmar a sétima vitória na liga.

A formação de Jorge Jesus, agora com cinco pontos de vantagem para o FC Porto e oito para Benfica, embora ambos os rivais tenham menos um jogo, chegou ao intervalo com o nulo, muito graças a Rui Patrício, que foi a última ‘barreira’ do Sporting face às investidas estorilistas.

Na segunda parte, o Sporting entrou mais acertado e passou a ‘mandar’ no jogo, mas, mesmo depois do 1-0, acabou por sofrer nos minutos finais.

No outro jogo da tarde, o Sporting de Braga não sentiu dificuldades para vencer o Belenenses, por 4-0, pondo fim a uma série de quatro vitórias consecutivas da equipa do Restelo.

O marroquino Hassan, 39 minutos, fez o primeiro golo para o Braga, que confirmou o triunfo na segunda parte frente a uma equipa do Belenenses já reduzida a 10 elementos, por expulsão do são-tomense Luis Leal, aos 52.

Aos 59 minutos, o defesa Ricardo Ferreira fez o 2-0, e Stojiljkovic aumentou a diferença aos 63, antes de Rafa fechou o marcador, aos 73, na conclusão de uma boa jogada de Marcelo Goiano pela esquerda.

Com a vitória, a equipa de Paulo Fonseca passou a somar 17 pontos, que a deixa no terceiro posto da liga, agora a um do FC Porto.

No sábado, na abertura da jornada, o Benfica teve uma deslocação tranquila a Aveiro, conseguido a primeira vitória ‘forasteira’ da liga no terreno emprestado do Tondela, ao vencer por 4-0, resultado que o mantém provisoriamente no quarto posto, com 15 pontos e menos um jogo.

Os ‘encarnados’ resolveram o jogo no primeiro tempo, com golos de Jonas, aos 04 minutos, um autogolo de Markus Berger, aos 11 e Gonçalo Guedes, aos 42. No segundo tempo, aos 82, Carcela fechou o marcador.

Fonte: Bomdia




Deixar uma resposta