Portugal no Europeu – A Crónica de Fábio Da Silva

FabioDaSilva

Fábio Da Silva

Portugal neste Europeu vai jogar praticamente em casa, excetuando a França, a nossa seleção irá ter mais público nas bancadas que os nossos adversários, o que pode ser um trunfo importante para as nossas ambições. Fernando Santos, a cada oportunidade, reafirma a convicção de ver Portugal campeão de Europa.

Para este Europeu, o nosso selecionador, trocou 4x3x3 que Portugal utiliza há mais de 10 anos para jogar um 4x2x2 com 2 avançados moveis. Este ano tirando a posição de ponta de lança, temos muitas opções de qualidade em todas as posições.

Começando na baliza, Rui Patrício é o titular embora tremendo em alguns jogos, Anthony Lopes e Eduardo são as outras opções.

Nas laterais são onde existem mais duvidas, Vieirinha e Cedric no corredor direito e Eliseu e Raphael Guerreiro na esquerda lutam taco a taco pelos respetivos lugares.

No eixo central da defesa, Ricardo Carvalho e Pepe serão, normalmente as escolhas iniciais, com as alternativas Fonte e Bruno Alves.

No centro do terreno, temos muitas opções de excelente qualidade, pelas escolhas que Fernando Santos tomou nos jogos amigáveis, no primeiro jogo deverá começar com Danilo, Moutinho, João Mário e André Gomes, mas de fora temos boas alternativas como William, Adrien, Rafa e Renato Sanchez.

Na frente de ataque, Ronaldo é indiscutível e será acompanhado por Quaresma em excelente forma. Nani e Eder completam as opções.

Portugal está num grupo fácil, mas nos oitavos de final poderá calhar com a Bélgica ou Itália e podemos dizer que ai começa o verdadeiro Euro para Portugal

 

Minha opinião para o onze do jogo de amanhã:

Patrício, Vieirinha, Carvalho, Pepe, R. Guerreiro, Danilo, Moutinho, João Mário, André Gomes, Quaresma e Ronaldo




Deixar uma resposta