É PRECISO TER FÉ PARA VENCER

ana-santos

Ana Santos

Olá meus queridos leitores, venho aqui para partilhar com vos mais historias de vida. A semana passada a historia da Andreia recebeu muitos e-mails de coragem, muita força, que foi uma grande mulher… Obrigada Andreia por teres partilhado com nos a tua historia!

Os meus leitores adoraram.
Esta semana recebi uma historia que e marcou porque infelizmente pode acontecer a qualquer pessoa, vou trocar de nome porque a pessoa não quere divulgar o nome verdadeiro e então vou chamar de Maria
Maria é casada com 2 filhos, muito feliz na vida diz que só lhe faltava mais um pouco de dinheiro para ser feliz à 100% (acho que é o mal de muita gente, e também meu):))
Decidiram vir para a Suíça para facilitar os estudos aos filhos, e para terem mais conforto, o rumo da vida passava como Maria tinha sonhado, um dia a filha dela soube que estava gravida, disse aos pais a novidade, Maria ficou super feliz dizia que ia ser avó pela a primeira vez que ia ser uma avó galinha, tudo isto trazia lhe muita alegria, dizia ela, até que a alegria tornou-se rotina diz ela que não merecia ser tão feliz, porque havia tanta gente a sofrer e ela tão feliz…
O filho estava a estudar para médico tudo a correr bem  a filha era enfermeira  o marido era chefe numa empresa de construção e Maria era cabeleireira tinha o seu próprio salão, um dia sentia se muito cansada, os dias passaram e cada vezes mais cansada, ela dizia que era porque não se alimentava bem. Maria soube que a filha estava à espera de uma menina, que nunca mais chegava o dia para conhecer a sua netinha. Um dia a filha de Maria disse para ela ia o medico porque não era normal ela sentir se tão cansada, então marcou um exame para fazer no medico, uma semana depois foi fazer esse exame, mas diz ela que não o queria fazer que sentia que iam lhe dizer coisas que não queria ouvir…
Assim foi, foi diagnosticado um cancro na mama já um pouco avançado, tentou esconder a família o tempo que pude sem dizer nada a ninguém guardou essa dor pra ela, dizia a família que era só cansaço que os exames não tinham acusado nada de especial, Maria dizia ter medo de não conhecer a neta de não ver os filhos casar e como iria acabar o marido? Sozinho que ele nunca iria suportar.
Os dias foram passando ela ias os tratamentos sozinha como tinha o salão era fácil pra ela estar ausente sem a família reparar .
No dia 24 a sua netinha nasceu mas Maria já se sentia muito fraca mas mesmo assim ela estava toda contente de ir ver a netinha e quando ela viu a netinha, o mundo PARROU…. Diz ela que agora podia morrer!!!! Que só queria ver e sentir a netinha, diz que ela era tão linda parecia um anjo. Os dias passaram, e um dia depois de ela ir ao médico, sabia que quando chegasse a casa que já não podia esconder mais! Porque tinha que fazer uma cirurgia  e isso não dava mais para esconder. Disse ao marido, que ficou de rastos e também aviso os filhos do sucedido eles apoiaram-na com muita força e pensamento positivo. Assim foi Maria não se sentia mulher o cabelo já não tinha! E como cabeleireira de profissão era impossível. Passou  o salão a uma empregada dela porque sabia que não ia conseguir, diz Maria que isso não era vida pra ela que a única coisa boa que tinha era a família e a netinha, os dias passam e Maria ocupasse da netinha quando não vai os tratamentos e passa assim os dias dela diz que gosta muito, mas que é muito diferente de antes!!!
Maria continua lutando contra esse cancro da mama e diz que vai vencer essa luta.

Maria eu já lhe disse mas quero que saiba que tem que pensar positivo ter muita fé e quero novidades suas muito em breve ok!!!
Desejo lhe muita força e coragem e mando lhe mil beijinhos

Como eu se quiser deixar uma mensagem a Maria pode fazer por e-mail ou mandar as suas historias de vida…a traves de ana_paiva23@hotmail.com
E prontos espero do fundo do coração que esta historia tenha um final feliz, até para a semana meus queridos leitores.




Deixar uma resposta