Coreia do Norte rejeita sanções da ONU

A Coreia do Norte já reagiu às novas sanções das Nações Unidas. Em comunicado, citado no canal de televisão estatal, o ministro dos Negócios Estrangeiros norte-coreano condena e rejeita a decisão, que considera ser um ato hostil e astucioso, com o objetivo de bloquear o programa nuclear do país, desarmando-o e “causando uma asfixia económica”.

No final do mês as autoridades norte-coreanas tinham anunciado testes, bem-sucedidos, a um novo sistema de defesa antimíssil. Em resposta aos últimos testes a ONU aprovou uma nova resolução, impulsionada pelos EUA, que congela os ativos financeiros e proíbe, de viajar, mais 24 pessoas, mas também quatro empresas ou instituições.

Os japoneses estão a levar muito a sério a ameaça norte-coreana, país que já disparou, pelo menos, um míssil para o mar do Japão. Este domingo, organizou mais um simulacro para ver se tudo funciona bem, em caso de ataque.

Fonte: Euronews




Deixar uma resposta