Benfica e Porto não desarmam, Mónaco e Juventus em alta

Primeira mão dos oitavos-de-final: Terça-feira, 14 de Fevereiro
PARIS – BARCELONA
Bordéus 0-3 Paris (Cavani 6 47, Di María 40)
Edinson Cavani aumentou o seu pecúlio para nove golos em seis partidas, com o Paris a somar o décimo triunfo em 11encontros no total de todas as competições.

Alavés 0-6 Barcelona (Luis Suárez 37 67, Neymar 40, Messi 59, Alexis ag 63, Rakitic 65)
Os três membros do famoso tridente MSN do Barcelona marcaram para a formação de Luis Enrique, que somou a 12ª vitória nos últimos 16 encontros de todas as competições. André Gomes foi titular num desafio que ficou ensombrado pela lesão grave sofrida por Aleix Vidal no tornozelo, que pode ditar o fim da temporada para o defesa.

BENFICA  DORTMUND
Benfica 3-0 Arouca (Mitroglou 25 35, Carrillo 49)
Kostas Mitroglou tem agora 12 golos em outros tantos jogos pelo Benfica, que abriram caminho para um triunfo tranquilo. A expulsão do guarda-redes Ederson, aos 41 minutos, não mudou o rumo dos acontecimentos, com André Carrillo a marcar pela primeira vez desde Agosto – e pela primeira vez no Estádio do Sport Lisboa e Benfica – para fazer o resultado final.

#SLBxFCA | 3-0 | JÁ ESTÁ! 3-0 e 3 pontos! #VamosBenfica pic.twitter.com/AZjXQrIgg9

— SL Benfica (@SLBenfica) February 10, 2017

[PHOTO src=”2440527″ size=”mediumLandscape” align=”Right” caption=” O Dortmund de Thomas Tuchel perdeu com o último classificado” ] Darmstadt 2-1 Dortmund (Boyd 21, Antonio-Mirko Colak 67; Raphaël Guerreiro 44)
Frente ao Darmstadt, último da tabela, o Dortmund sofreu a primeira derrota deste 26 de Novembro – uma série de dez jogos, seis deles terminaram empatados – apesar do primeiro tento de Raphaël Guerreiro em quase cinco meses.

Quarta-feira, 15 de Fevereiro
BAYERN – ARSENAL
Ingolstadt 0-2 Bayern (Vidal 90, Robben 90+1)
O Bayern deixou para os últimos instantes a decisão do vencedor, somando o décimo triunfo em 11 partidas, com Arturo Vidal a inaugurar o marcador com o primeiro golo desde Outubro. Manuel Neuer, por seu lado, averbou o 100º jogo sem sofrer golos na Bundesliga ao serviço do Bayern.

Arsenal 2-0 Hull (Alexis Sánchez 34 90+3pen)
Os “gunners” responderam a duas derrotas seguidas na Premier League com um triunfo sobre o Hull de Marco Silva, graças ao bis de Alexis Sánchez, o seu 16º e 17º golos do chileno na prova.

REAL MADRID – NÁPOLES
Osasuna 1-3 Real Madrid (Sergio León 33; Ronaldo 24, Isco 62, Lucas Vázquez 90+3)
O Real Madrid teve algumas dificuldades para somar os três pontos frente ao último classificado da Liga espanhola. No entanto, com a ajuda de Cristiano Ronaldo, e do seu 14º golo no campeonato, continua na liderança.

Nápoles 2-0 Génova (Zieliński 50, Giaccherini 68)
Emanuele Giaccherini estreou-se a marcar pelo Nápoles nesta edição do campeonato e a formação de Maurizio Sarri aumentar para 18 a série invicta na competição.

Javier Hernández marcou pelo Leverkusen©AFP/Getty Images

Terça-feira, 21 de Fevereiro
LEVERKUSEN – ATLÉTICO
Leverkusen 3-0 Frankfurt (Hernández 5 63, Volland 78)
Javier Hernández marcou mais que um golo pela primeira vez desde Setembro para ajudar o Leverkusen, que ocupa o meio da tabela, a somar apenas o seu segundo triunfo em seis partidas.

Atlético 3-2 Celta (Torres 11, Carrasco 86, Griezmann 88; Cabral 5, Guidetti 78)
A derrota estava próxima quando o Atlético perdia por 2-1 em casa a cinco minutos do fim, mas Yannick Carrasco e Antoine Griezmann consumaram a reviravolta no espaço de um minuto. O nono tento de Griezmann na Liga espanhola consumou apenas o segundo triunfo dos “colchoneros” nas últimas sete partidas, todas as competições incluídas.

MANCHESTER CITY – MÓNACO
Bournemouth – Man. City
Segunda-feira, 20h00

Mónaco 5-0 Metz (Mbappé 7 20 50, Falcao 10 55)
Kylian Mbappé, jovem de 18 anos, apontou o seu segundo “hat-trick” na equipa principal do Mónaco, que venceu pelo quarto jogo seguido, mantendo deste modo a liderança na Ligue 1. O treinador Leonardo Jardim contou com João Moutinho e Bernardo Silva de início.

Quarta-feira, 22 de Fevereiro
PORTO – JUVENTUS
Guimarães 0-2 Porto (Soares 36, Jota 86)
O Porto aumentou para cinco os triunfos seguidos na Liga portuguesa, com Tiquinho Soares a inaugurar o marcador com o seu quarto golo (três deles pelos “dragões”) nos últimos três jogos, continuando desta maneira a apenas um ponto do líder Benfica.

#FCPorto #VSCFCP pic.twitter.com/ASRjKx6Klq

— FC Porto (@FCPorto) February 11, 2017

Cagliari 0-2 Juventus (Higuaín 37 47)
A Juventus averbou o sexto triunfo seguido em todas as competições graças aos dois tentos de Gonzalo Higuaín, que aumentou para 18 a sua conta pessoal na Serie A. Este resultado devolveu aos “bianconeri” a vantagem de sete pontos no topo da tabela.

SEVILHA – LEICESTER 
Las Palmas 0-1 Sevilha (Correa 80)
Joaquín Correa isolou-se e estreou-se a marcar na Liga espanhola, após um passe longo do guarda-redes Sergio Rico ter sofrido um desvio e colocado a bola no seu caminho. A formação andaluza somou assim o primeiro triunfo nos últimos três jogos, mantendo-se a dois pontos do Barcelona, segundo classificado.

Swansea 2-0 Leicester (Mawson 36, Olsson 45+2)
O campeão inglês sofreu dois golos na primeira parte e não conseguiu responder no segundo período, sofrendo assim a quinta derrota seguida na Premier League. A formação de Claudio Ranieri é agora 17ª da tabela, um ponto acima da zona de despromoção.

Horas de Portugal Continental

Fonte: UEFA




Deixar uma resposta